Página de divulgação das ações da Secretaria de Cultura do município do RIO GRANDE RS.

sexta-feira, 29 de dezembro de 2017

VAI TER OFICINAS DE LITERATURA


A partir de 1º de janeiro já estão abertas as oficinas do Ondas da Leitura: a primeira é com Daniel Baz dos Santos,Clássicos ao pé do ouvido:  como e o quê falam as grandes obras da literatura.
Inscreva-se e participe!

VAI TER CONCURSO DE ESTÁTUAS VIVAS NO VERÃO CULTURAL 2018


Como forma de valorizar os artistas de rua,foi criado pela primeira vez durante a programação do Verão Cultural 2018, o Concurso de Estátuas Vivas que será realizada na Avenida Rio Grande,Cassino,no dia 03 de fevereiro,às 17h,com premiação para os vencedores.

Participe e prestigie!


VAI TER FESTIVAL DE ESCULTURAS EM AREIA


Pelo terceiro ano consecutivo a areia da Praia do Cassino será matéria prima para os artistas que participarão do Festival de Esculturas em Areia.Será no dia 27 de janeiro,a partir das 14 horas entre a estátua de Iemanjá e o Riacho.Informações pelo fone 3235.7803.
Participe e prestigie!

VAI TER QUITANDA NA PRAIA


A tradicional feira de artesanato e economia criativa vai para o Cassino no mês de Janeiro se incorporar à programação do Verão Cultural 2018,durante os dias 06 e 13,das 17 às 22 horas,na Feira do Produtor,ali na Avenida Atlântica.

VAI TER MOTO ENCONTRO NO VERÃO CULTURAL 2018




A Prefeitura Municipal, através de uma mobilização conjunta das Secretarias de Cultura, do Cassino, do Turismo,Esporte e Lazer e da Mobilidade Urbana e Trânsito, juntamente com o Motogrupo Guardiões da Estrada,Índio Andarilho e com apoio da JM Motos e Moto Rosso, organizam e realizam um grande Moto Encontro no veraneio do Cassino.
O Moto Acampamento acontecerá nos dias 26, 27 e 28 de janeiro e deverá reunir mais de dois mil motociclistas de várias regiões do Rio Grande do Sul e inclusive outros estados do país.
Entre as várias atividades que acontecerão durante o encontro,como exposições das motos na avenida Rio Grande,tendas de artigos do segmento e desfile pela cidade,também haverá apresentações no Multipalco do Verão Cultural 2018.
Na noite de 26 de janeiro terá Caramelo 4,Bruno Lemos e Jack Balla e no sábado,27,se apresentam Caramelo 4,Warning e Jarry Lewis.

quinta-feira, 28 de dezembro de 2017

GRANDES SHOWS NO VERÃO CULTURAL

Grandes shows gratuitos prometem fazer deste um Super Verão Cultural

A parceria da Prefeitura Municipal através da Secretaria de Cultura e da Secretaria do Cassino com o SESC Música Verão,com o Porto do Rio Grande e também com a Caixa de Assistência dos Advogados do RS trazem para o veraneio do balneário Cassino várias atrações, que com certeza,irão deixar a Avenida Rio Grande lotada com um grande público.

No dia 12 de Janeiro,sexta-feira sobe ao palco a Comunidade Ninjtsu
Dia 13,sábado, é a vez de Tonho Crocco cantando vários sucessos da Ultramem
No dia 14,domingo César Oliveira e Rogério Melo cantam o melhor da música gaúcha.

Em fevereiro,na semana de aniversário da Cidade do Rio Grande também haverá uma programação super especial.
No dia 17 de fevereiro,sábado,a Papas da Língua promete lotar a Avenida Rio Grande,próximo ao barracão.
No dia 24 de fevereiro,praticamente no final da temporada acontece a apresentação da Banda Chimarruts

Todos esses shows associados à intensa programação cultural que irá acontecer nos meses de janeiro e fevereiro farão da Praia do cassino o ponto de encontro do Verão.

Para o Secretário de Cultura Ricardo Freitas essa programação foi possível graças as parcerias." Estabelecer parcerias é fundamental para organizar uma grande programação,cada um dando a sua contribuição e juntos realizando um programa que valorize os artistas e encante o público,tanto local quanto veranista,tornando a Praia do Cassino um encontro de cultura."

Comunidade Ninjitsu

Tonho Crocco

Cesar Oliveira e Rogério Melo

Chimarruts

Papas da Língua


quarta-feira, 27 de dezembro de 2017

PROPOSTAS SELECIONADAS PARA O VERÃO CULTURAL 2018



Saiu a relação das atrações selecionadas para o Verão Cultural 2018.Entre mais de cento e trinta inscrições, foram selecionadas 37 propostas entre música, teatro, dança e ocupações coletivas para, juntamente com outras tantas atividades culturais e shows, fazer deste um super Verão Cultural.
Confiram os selecionados:

➡️OCUPAÇÕES COLETIVAS TIPO I:
Coletivo Tay- AldeiaTekoá Nhe'é Ambá
Núcleo de pesquisa Beckett-We
➡️OCUPAÇÕES COLETIVAS TIPO II:
Projeto Cultura de Matriz Negra-Arutema
Coletivo NósDaTrama
Anima Soul
➡️CARAVANA DA CULTURA:
Freedom Cia de Dança-Mostra Coreográfica
Golden Circle
Gabriela Lima (Jack, o Imortal)
Camarim Arte&Cultura
+1 RivoTrio
➡️MULTIPALCO CÊNICAS:
Cia de Dança de Salão Robson Porto
Cia Palma- Pé de Vela
Cia Teatral Era Uma Vez- Sonhos de uma Noite de Sertão
Henrique Gonçalves- Era uma Vez, Contos, Lendas e Cantigas
Camarim Arte&Cultura- A Bergamoteira
Rudinei Morales-Teatro de Animação- Teatro de Caixa
Sérgio Rosa- Papelito em busca da boa leitura
Camila Albrecht- Grupo Kifuzarka Animações-Teatro de bonecos
Freedom Cia de Dança- As Princesas e a Maldição do Livro
➡️MULTIPALCO LETRA E MÚSICA-NÃO AUTORAL:
FranFê
Enredo do Samba
Banda Go On
Cissa Laval e João Lovato
Mr. Zepp
Tributo Beatles
➡️MULTIPALCO LETRA E MÚSICA- AUTORAL:
Dirth South
Laura Bastos
Paulinho Martins
Quarteto Moldura
Clube do Choro de Pelotas
O Gato Comeu-Musical Infantil
Joaquim Velho
TENR-The Experience Nebula Room
Pragah
Bruno Acosta
Josephines
Paola Kirst
➡️ONDAS DA LEITURA
Lucilene Canilha Ribeiro- A literatura feminina contra o silêncio
Daniel Baz dos Santos- Clássicos ao pé do ouvido: como e o quê falam as grandes obras da literatura
Marcelo Calheiros- O livro: relações entre encadernação e publicação
Liziane Ferreira de Lima- Socializando as Ondas da Leitura
Ana Luísa Feijó Cosme- Mediadores de leitura: promovendo a leitura e a criação de histórias
Cintia Kath Blank- Lendas do Brasil e do mundo


👉👉👉A REUNIÃO COM OS SELECIONADOS ACONTECE AMANHÃ, DIA 28/12, ÀS 19 HORAS, NA PREFEITURA MUNICIPAL. 

quarta-feira, 6 de dezembro de 2017

SECULT LANÇA EDITAL PARA O VERÃO CULTURAL 2018

A Prefeitura Municipal do Rio Grande, através da Secretaria de Município da Cultura, lançou na tarde desta quarta-feira (6) o edital para o projeto Verão Cultural 2018. O documento visa à seleção de propostas para apresentação de espetáculos e/ou projetos de teatro, música, dança, literatura e artes visuais, dentre outras manifestações artístico-culturais no âmbito do município. 

Entre 6 de janeiro e 24 de fevereiro os artistas selecionados integrarão a programação do projeto que será desenvolvido no balneário Cassino e de maneira descentralizada, no interior do município. Neste período, serão desenvolvidos projetos como o “Multipalco Letra e Música”, o “Multipalco Cênicas”, o “Ondas da Leitura”, Ocupações coletivas no Multipalco da Avenida Rio Grande e a “Caravana da Cultura”. O Verão Cultural visa colaborar com a política de transparência e democratização do acesso de artistas e produtores aos projetos e pautas nos equipamentos públicos.  As inscrições são gratuitas e podem ser realizadas até às 23h59 do dia 25 de dezembro de 2017.

O edital completo e o formulário de inscrições estão disponíveis neste link: https://goo.gl/zNYhPS

Na próxima segunda-feira, 11/12, ocorrerá uma oficina aberta aos artistas e demais pessoas interessadas na Casa da Cultura, rua General Vitorino, 666, às 18h.  O resultado da seleção ocorrerá no dia 27 de dezembro e será divulgado nos veículos de comunicação da Prefeitura Municipal do Rio Grande e da Secretaria de Município da Cultura: o blog (www.secultrg.blogspot.com) e a página da pasta na rede social Facebook (www.facebook.com/secultrg).

GABINETE DE PROGRAMAS E PROJETOS ESPECIAIS APRESENTA PROJETO DE CONSTRUÇÃO DE PRAÇA DE ESPORTES E CULTURA PARA O CMPC



A primeira reunião do Conselho Municipal de Política Cultural, após a aprovação do seu regimento interno e a definição do seu presidente, vice-presidente e secretários contou com a presença da secretária do Gabinete de Programas e Projetos Especiais, Darlene Pereira.

Na oportunidade, a secretária apresentou aos conselheiros e conselheiras que representam os mais diversos segmentos culturais do município as diretrizes do projeto CEU Jockey Clube, que beneficiará as comunidades da zona oeste de Rio Grande e envolve as Secretarias de Município da Cultura, de Turismo, Esporte e Lazer e de Cidadania e Assistência Social. O Investimento é de R$ 2.368.402,45, oriundos de recursos federais e municipais, através do financiamento realizado pelo município junto à Caixa Econômica Federal, o Finisa. O encontro ocorreu na Casa da Cultura, sede administrativa da Secretaria de Município da Cultura, localizada na rua General Vitorino, 666, na noite de quarta-feira (6).


PROGRAMAÇÃO DO TEATRO MUNICIPAL DO RIO GRANDE/DEZEMBRO 2017




Espetáculo “Casino” – Academia de Dança Raquel Pereira – 06/12 – 21h;

Espetáculo “O show tem que continuar”, em comemoração aos 30 anos da Academia Art & Manhas – 09/12 e 10/12 – 20h30;

Espetáculo “Eles dançam Rita Lee” – Academia Vanessa Picaluga – 13/12 – 21h;

Espetáculo de dança “La Fille Mal Gardée” – Academia de Dança Ensaio – 16 e 17 de dezembro – 21h.

Ingressos e maiores informações pelo telefone do Teatro Municipal do Rio Grande, 3233-4339.

PROJETO DE TROCA DE LIVROS OCORRE NA PRÓXIMA SEGUNDA (11), ÀS 10H


A Secretaria de Município da Cultura, através do Núcleo do Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas Públicas promove mais uma edição do projeto Eu Amo Ler, na Praça Xavier Ferreira. Será no dia 11 de dezembro, em horário alternativo, das 10h às 12h30, em virtude da alteração do horário de expediente da Prefeitura Municipal do Rio Grande no período do verão. A ação ocorreria na segunda anterior, 4, mas em razão do mau tempo foi transferida.

No local serão montadas bancas com livros novos e usados, que estarão disponíveis para leitura e trocas. A iniciativa visa o fomento ao livro, à leitura e à literatura nos espaços públicos do município. O projeto Eu Amo Ler é uma realização da Secretaria de Município da Cultura, em parceria com o Sesi, com a Biblioteca Rio-Grandense e com o Instituto de Letras e Artes da Universidade Federal do Rio Grande. O projeto ocorre na primeira segunda-feira de cada mês

segunda-feira, 4 de dezembro de 2017

ATELIER LIVRE CONSOLIDA A OCUPAÇÃO CULTURAL NO MERCADO PÚBLICO




Desde a sua reabertura, em abril deste ano, o Atelier Livre do Mercado tem crescido. Não apenas de tamanho, com a reorganização dos seus espaços, cresceu o número de artistas que frequentam o local e de alunos e alunas que participam das oficinas. O Chalé 7 do Mercado Público Municipal transformou-se em um espaço de formação em artes visuais da Secretaria de Município da Cultura, um local sustentável, onde irradia cultura e produção artística, ocupado por artistas e coletivos. 

Com uma programação variada, para todas as idades e para todos os gostos, o espaço caiu nas graças da população rio-grandina, conquistando um público fiel que de segunda a segunda participa das oficinas. Nas segundas-feiras o Atelier é ocupado pelo público geek, crianças e adolescentes, que apreciam a arte e a cultura japonesa e usufruem do curso de mangá, ministrado pelo ilustrador Luiz Lekston. Graduado em Artes Visuais – Licenciatura, o rio-grandino atua como freelancer, tendo participado de diversas publicações internacionais. 

O encontro harmônico entre a água e a tinta, através da técnica da aquarela é o tema da oficina realizada nas terças-feiras, com o também rio-grandino Rudnei Alves. Portuário aposentado, Alves dedica-se às artes plásticas há mais de 20 anos, muito embora a intimidade com o lápis e o pincel venha da infância. “A localização do Atelier, nas imediações do cais e do Centro Histórico do Rio Grande, é um privilégio e uma grande inspiração para qualquer artista”, afirma. 

As quartas-feiras é dia de arte do barro no Atelier, com oficinas de cerâmica ministradas pelo artista, designer e oleiro catarinense, Fábio Orleans, mais conhecido como Duke. A ocupação cultural neste dia não fica restrita aos artistas locais. Waldo Gouveia, professor de Artes Visuais da rede municipal de ensino, desloca-se toda semana, da vizinha Pelotas, para usufruir do espaço e produzir suas peças. “A grande maioria delas representam a identidade e os laços afetivos que construí nesta cidade portuária”, diz. Segundo ele, não há espaço igual ou semelhante na capital nacional do doce.

Às quintas-feiras o Atelier recebe uma série de artistas que desenvolvem um trabalho articulado de artesanato e demais artes relacionadas à valorização da cultura negra. Os trabalhos são coordenados pela Profa. Ingrid Costa, a partir de uma parceria da Secretaria de Município da Cultura com o Projeto Boneca Africana Rana e da Ong Águas do Sul. Neste dia, são oferecidos à comunidade oficinas de bonecas abayomi e com a temática de orixás que representam o sincretismo da cultura e da religião brasileira e oficinas de decoração de pratos, que remetem à ancestralidade da cultura afro, ministradas pela Professora Fátima Ramalho. O espaço foi ocupado ainda para a realização de um curso de capacitação de lideranças negras e diversas atividades alusivas ao Novembro Negro, como o lançamento do livro do acadêmico da Universidade Federal do Rio Grande Rodrigo da Rosa Pereira “Perspectivas femininas: Afro-brasileiras em Cadernos Negros (contos).

Nas sextas-feiras, o Atelier recebe mais um artista rio-grandino, Paulo Farias, que compartilha todo o seu conhecimento sobre entalhe em madeira em mais uma oficina. De quinze em quinze dias o espaço é disponibilizado para acadêmicos de universidades brasileiras e estrangeiras, que realizam o projeto “Café debate Intercultural”, que visa estreitar a relação entre os rio-grandinos e os estrangeiros que residem na cidade. O local é transformado em um espaço de convivência e de intercâmbio de diferentes culturas, com o foco na amizade, na troca de experiências e na realização de debates e tem o acompanhamento do professor aposentado da Universidade Federal do Rio Grande, Alfredo Martin.O espaço ainda é ocupado por dezenas de artistas plásticas da cidade, que aproveitam o local para pintura e exposição dos seus trabalhos.
 
Carlos Kunde, Técnico Superior em Artes Visuais e servidor responsável pela gestão do Atelier, destaca a evolução do local em 2017. De acordo com ele, a intensa participação registrada neste ano deve-se ao sentimento de pertencimento dos artistas, na sua maioria rio-grandinos. “Alguns deles não tinham um espaço adequado ou careciam de uma estrutura maior para desenvolver as suas atividades. No Atelier, se sentem em casa, ensinando ou produzindo suas peças”, diz.

Kunde destaca, ainda, uma novidade que tem agradado os mais diversos públicos: a instalação de uma biblioteca especializada em artes visuais, com livros, publicações e obras de diversos artistas da área. Outra novidade é uma Gibiteca, com títulos variados das personagens da Marvel e da DC Comics, inclusive, com alguns exemplares raros. As consultas são locais e podem ser realizadas no horário do expediente.

O secretário de Município da Cultura, Ricardo Freitas, salienta que o Atelier Livre do Mercado é uma demanda da classe artística do campo das artes e que surgiu na realização da primeira edição do Fórum Municipal de Cultura, em abril de 2015. “Antes mesmo da construção e, posterior aprovação, do Plano Municipal de Cultura, o equipamento já estava em pleno funcionamento tornando-se um polo gerador de novos artistas para a cidade. Além disso, o Atelier valoriza ainda mais um patrimônio cultural da cidade do Rio Grande, que é o Mercado Público Municipal”, argumenta.

O Atelier Livre do Mercado funciona de segunda a sexta-feira, no Chalé 7 do Mercado Público Municipal. As oficinas são realizadas regularmente, algumas divididas em módulos, e não necessitam de pré-requisitos. As inscrições podem ser realizadas no local.




















AGENDA DO ATELIER LIVRE DO MERCADO


SEGUNDAS-FEIRAS – Oficina de Mangá e Cultura Japonesa, com o ilustrador Luiz Lekston. Horários: 9h às 12h e 14h às 17h.

TERÇAS-FEIRAS – Oficina de Aquarela, pintura em acrílico e desenho de observação, com o artista Rudnei Alves. Horários: 9h às 11h30 e 14h às 17h.

QUARTAS-FEIRAS – Oficina de Cerâmica, com o artista e designer Duke Orleans. Horários: 14h às 17h.

QUINTAS-FEIRAS – Oficina de Afro-Artesanato, com a artesã Maria de Fátima Ramalho e com a professora Ingrid Costa. Horários: 14h às 17h.

SEXTA-FEIRAS – Oficina de Entalhe em madeira, com Paulo Roberto Farias. Horário: 14h às 17h. / Café Debate Intercultural, às sextas-feiras, de 15 em 15 dias. Horário:14h às 17h.

TELEFONE E MAIORES INFORMAÇÕES: com Carlos Kunde, Técnico em Artes Visuais da Secretaria de Município da Cultura e responsável pela administração do espaço, pelos números 32338467 ou 999736371.

O Atelier Livre do Mercado é um espaço de formação em Artes Visuais da Secretaria de Município da Cultura e está localizado no Chalé 7 do Mercado Público do Rio Grande.

domingo, 3 de dezembro de 2017

ACADEMIA ART MANHAS COMEMORA 30 ANOS COM GRANDE ESPETÁCULO, EM DUAS NOITES, NO TEATRO MUNICIPAL




A academia Art Manhas sobe ao palco do Teatro Municipal, equipamento cultural da Secretaria de Município da Cultura, nos dias 9 e 10 de dezembro, às 20h30, para celebrar seus 30 anos de existência. “O show tem que continuar” é o tema do espetáculo deste ano, que será dividido em duas partes: “Na memória” e “Na estrada”, que destacam a árdua luta do ser humano por um mundo melhor. 

“Trinta anos de história são muito mais do que a trajetória de uma escola de dança, pois quando se fala em dança não se consegue separar a vida da arte. Quem dança empresta seu corpo e sua alma, usa suas emoções para falar das emoções alheias”, salientaram as organizadoras. Os ingressos para o espetáculo podem ser adquiridos nas Óticas Estima, da rua General Neto.